//

Se você fica triste após as relações sexuais, não se sinta mal. A disforia após o sexo é comum entre homens e mulheres de todas as idades, sendo mais recorrente para o sexo feminino. O sentimento de vazio melancólico ou irritabilidade pode aparecer após o momento que se convenciona como prazeroso e feliz.

Em 2005, Gert Holstege, da Universidade de Groningen, na Holanda, usou a tomografia por emissão de pósitrons para mapear o cérebro de homens e mulheres durante orgasmos. Descobriu-se uma aguda diminuição na atividade da região do cérebro que envolve o processamento de estímulos atemorizantes. Além de proporcionar prazer, o sexo claramente reduz o medo e a ansiedade.

Já a antropóloga Helen E. Fisher, de Rutgers, usou imagens de ressonância magnética funcional para analisar mais amplamente os circuitos neurais do amor romântico. Ela mostrou a um grupo de jovens apaixonados, uma foto do ser amado ou de uma pessoa neutra. Os participantes mostraram uma ativação no circuito de recompensa de dopamina apenas em resposta ao ser amado.

Apesar disso, um estudo envolvendo mais de 200 jovens australianas destacou que uma em cada três mulheres jovens se sente triste depois do sexo em algum momento de suas vidas e 10% disseram que quase sempre sentem-se tristes após o sexo.

480314279

Para indivíduos que sofrem de disforia pós-sexo, a relação que deveria provocar sensações de bem-estar, juntamente com o relaxamento físico e psicológico, pode expressar melancolia, choro, irritabilidade, ansiedade ou sensação de inquietação.

A maneira de se relacionar, a ausência de amor ou quando percebe-se que a outra pessoa não sente nada por você, pode promover a depressão pós-sexo. A relação sexual precisa de cumplicidade, reforçada quando se compartilha momentos e sentimentos com o outro. Porém, uma das entrevistadas pelo estudo austríaco afirmou que o sentimento de tristeza não está relacionado aos seus sentimentos de amor e afeto pelo parceiro.

A causa de tristeza pós-sexo pode relacionar-se com abusos sexuais, mas a pesquisa encontrou apenas uma correlação moderada entre o abuso sexual e decepção pós-sexo, sugerindo que outros fatores, como predisposição biológica, podem estar mais relacionados a disforia.

178610535

Enquanto estudos apontam novas descobertas e questionamentos, é importante observar as suas características emocionais, como você se vê e como a sua personalidade contribui nas suas relações sexuais. Lembre-se: conhecer a si mesma é mais importante do que satisfazer seu parceiro, quando ambos estão realizados é muito mais prazeroso.

Fontes:

Causas da depressão pós-sexo. Disponível em http://bit.ly/1pXjaq2

Depressão pós-sexo: disfunção cerebral ou razões psicológicas? Disponível em http://glo.bo/1qS5snT

Posts Recentes

Dúvida?

RSS

T |

41

9991-2512
(Entre em contato via Whatsapp)

R |

Anita Garibaldi, 850, Sl 501 - Torre Success - Ahú

E |

claudia@claudiagraichen.com.br

Explay Web Agency